NOTÍCIAS

- 17/05/2017

Com torcida barulhenta, Adriano de Souza vence Etapa do Rio de Janeiro do Circuito Mundial de Surf

O resultado colocou o brasileiro muito perto da liderança do ranking mundial

Mineirinho agradece torcida que fez muito barulho na bateria final (Foto: Damien Poullenot/WSL)

Mineirinho agradece torcida que fez muito barulho na bateria final (Foto: Damien Poullenot/WSL)


Terminou nesta quarta-feira a Etapa do Rio de Janeiro do Circuito Mundial de Surf, que acontece em Saquarema. “Em casa”, Adriano de Souza sagrou-se campeão do evento, após vitória na decisão sobre o australiano Adrian Buchan, em uma bateria que a torcida "jogou junto", com muito barulho a cada manobra do brasileiro.

A final foi equilibrada, com Mineirinho vencendo por 17.63 a 17.23. Mesmo com o brasileiro alcançando um 9.80 em uma de suas quedas, Buchan incomodou, mesmo assim não conseguiu a virada.

"Gostaria de primeiramente agradecer a Deus por este momento maravilhoso. Desde dezembro de 2015 eu não sentia o gosto do pódio, mas batalhei muito. Todos sabem a jornada de um atleta para alcançar seus objetivos, mas sempre acreditei e tive muita determinação, mesmo nos momentos difíceis", disse Adriano, que conquistou seu segundo título no Brasil e a vice-liderança do ranking mundial.

Mineirinho esteve em um dia excelente, quase alcançando a pontuação máxima em todas suas baterias. Começou o dia devastando o australiano Joel Parkinson pelas quartas de final, com notas 8.67 e 9.83, e eliminando na semifinal seu compatriota Yago Dora, com notas 9.57 e 8.40.

Dora entretanto merece um parágrafo a parte. O brasileiro disputou pela primeira vez uma etapa do WCT e bateu três campeões do mundo ao longo competição: John John Florence, Gabriel Medina e Mick Fanning, alcançando a terceira colocação do evento carioca e se tornando a grande sensação da torcida presente.

Queda nas quartas de final complica Gabriel Medina
Apesar do Circuito estar apenas em sua quarta etapa, o resultado do Rio de Janeiro complicou Gabriel Medina na busca pela título. Na perna australiana, o residente de Maresias conseguiu um terceiro lugar em Gold Coast, porém os péssimos resultados em Margaret River e Bells Beach, somado a queda nas quartas de final desta etapa, coloca o brasileiro distante na busca do bi mundial.

Hoje, Adriano de Souza é o principal brasileiro na luta pelo troféu do mundial. Com 24.400 pontos no ranking geral, ele divide a vice-liderança do WCT com o sul-africano Jordy Smith e o australiano Owen Wright. O havaiano John John Florence lidera o torneio com 24.750 pontos.

A próxima etapa do Circuito Mundial de Surf acontece em Namotu, em Fiji, entre os dias 04 e 16 de julho, e Gabriel Medina será o defensor do título.
 
Confira o resultado da Etapa do Rio de Janeiro do WCT:
1 Adriano de Souza (BRA)
2 Adrian Buchan (AUS)
3 Yago Dora (BRA)
3 Matt Wilkinson (AUS)
5 Joel Parkinson (AUS)
5 Mick Fanning (AUS)
5 Owen Wright (AUS)
5 Jordy Smith (AFR)
9 Wiggolly Dantas (BRA)
9 Gabriel Medina (BRA)
9 Kanoa Igarashi (EUA)
9 Julian Wilson (AUS)
25 Miguel Pupo (BRA)
 
Para conferir o ranking completo do Circuito Mundial de Surf, clique aqui.





Publicado em: adriano de souza, wct, wsl, circuito mundial de surf, gabriel medina, rio de janeiro, surf, campeonato de surf






ENQUETE

Como nosso objetivo é trazer aquilo que você mais procura, o que você gostaria de ver mais no Maresias.com.br?

  • Notícias da região
  • Fotos das baladas e eventos
  • Descontos e ofertas
  • Vídeos

FIQUE POR DENTRO

Acompanhe tudo que acontece
em Maresias nas redes sociais

Redes Sociais

RECEBA NOVIDADES

Tudo sobre Maresias no seu e-mail!